A ASA CAIU

asa

A ASA CAIU

Era uma vez um passarinho que mexia
com certas coisas que não eram pro seu bico.

Mas ele mexia mesmo assim,
pois era um passarinho vadio e teimoso.

Os outros passarinhos
(eu não vejo diferença entre passarinho
e passarão)
passavam por ele e avisavam:
“Cuidado, para de mexer com essas coisas”
“Desencane disso, pense na sua mãe”
“Você vai quebrar o bico”.

Mas ele não ouvia e voava todo insolente,
zombando dos bicos desses passarinhos todos
que ele, todo corajoso, desdenhava sem dó,
sentindo-se, assim, muito poderoso.

No entanto, o passarinho (que era jovem e meio cego)
não sabia que tudo estava a ponto de degringolar,
e apesar dos avisos, conselhos e lições de moral,
ele continuou, todo teimoso,
até que um belo dia, coitado,
a asa caiu pro seu lado.

- Michel Consolação





postado em por admin em poesia deixe um comentário

adicione comentário

www.scriptsell.netBest Premium Wordpress Theme/Best Premium Wordpress Theme/ Top