Benditto seja

Benditto é o nosso paladino das ruas. Do asfalto sujo e da fuligem doce. Benditto é pseudônimo. Um dia diremos o nome verdadeiro dele e vocês acharão graça. Benditto não gosta de mostrar a cara. Tá clichê fazer isso hoje em dia, mas gostamos de um clichê. E gostamos mais ainda de quem não faz questão nenhuma de mostrar a cara.

depois

Benditto começou mandando as fotos dos seus lambes pra nós, algumas vezes com alguns versos nossos e tals. Nós gostávamos, mas não dávamos muita bola. Não era arrogância. Era só preguiça mesmo. Tudo aqui se resume a uma palavra: preguiça. Vão se acostumando. Continuando: ele começou mandando umas intervenções, coisa pouca, com algumas frases e versos nossos. De novo: gostávamos. Aí ele começou a mandar uns textos próprios. E mais intervenção. Como sempre vimos essa coisa de intervenção urbana com olhos tortos (muita sujeira pro gosto de alguns frescalhões daqui), não dávamos muita bola.

taoeu

ouve

Então, resolvemos unir o útil ao agradável (horrível essa frase, mas já foi) e, já que não gostamos de sujar as mãozinhas, pensamos: por que não chamar o bendito do Benditto para unir-se oficialmente a nós e, assim, levar as nossas palavras para as ruas? Falamos com ele, que se fingiu lisonjeado, e agora é assim: sempre que você avistar algum poema do Jota ou do Vaner ou do Michel ou algum desenho do Thiago aí pelas ruas da vida, o culpado pelo vandalismo é o Benditto.

depois

tanto

Benditto também é poeta (sim, mais um; tá epidêmico o negócio) e é claro que ele quer mostrar esse seu lado pro povo. Nós prometemos ajudá-lo com isso. O resultado veremos com o tempo. Por enquanto, ele exercita o seu lado poético colando textos autorais nas ruas da vida. Todas as frases coladas ou pintadas por ele que estiverem sem assinatura são obras inteiramente criadas por ele. Dissemos pra ele assinar, mas ele nos disse: não assino. Modéstia artística pra nós é oxímoro, mas, mesmo assim, entramos no embalo e resolvemos contribuir com o acervo do imaginário urbano coletivo da cidade com algumas frases não assinadas. Achamos legal. Vejam aí algumas das criações inteiramente feitas por Benditto:

dica

nadatudo

insistir

apatia

Com o tempo vamos aumentando esse acervo. Poesia concreta? Não, óbvio demais. Só uma sujeirada poética. Aguardem mais. Benditto seja.





postado em por admin em poesia deixe um comentário

adicione comentário

www.scriptsell.netBest Premium Wordpress Theme/Best Premium Wordpress Theme/ Top