orgânico Leminski

Abaixo, alguns trechos do documentário Ervilha da Fantasia, realizado em 1985 por Werner Schumann com edição de Eduardo Pioli Alberti e Produção Executiva de Altenir Silva, Willy Schumann, Werner Schumann.

1) A poesia é um inutensílio

2) Poesia como um fenômeno etário

3) A paixão pelo cinema americano

4) O medo do novo

5) Poesia: loucura necessária

Para ver a “versão nua” (sem música) do documentário, vá aqui: https://youtu.be/zkl57-hC3ko

Poesia pouca é bobagem.





postado em por admin em os videos, poesia deixe um comentário

deleta que fica ok

“assisti, mas deletei”

mais uma pérola
para o infinito
rol de cretinices
da política nacional

“estupra, mas não mata”
“rouba, mas faz”

o que seriam dos idiotas
(e dos políticos)
se não existisse
o “mas”?

- edson farrusco

postado em por admin em poesia deixe um comentário

ARTERRORISMO

Saiu a segunda edição do FAZNINE, o zine do Um Milhão, agora com um poema que tem cara de manifesto ou um manifesto com cara de poema, não sabemos ao certo, na dúvida ficamos com os dois; trata-se do poema ARTERRORISMO, de Michel Consolação.

Poema de 24 páginas sobre a arte e os artistas ou sobre a nem tão arte assim e os nem tão artistas assim. Sem aquele ranço revolucionário que falsos manifestos às vezes se propõem a terem. É um poema engraçado, leve e com uma certa paz de espírito.

Então é isso. A venda rola lá na lojinha: http://marre.lojavirtualnuvem.com.br/faznine/arterrorismo/ Frete grátis. Poesia pouca é bobagem.

postado em por admin em fixos, livraria, poesia deixe um comentário

parça?


postado em por admin em poesia deixe um comentário

asfalto quente

não há muitos
não são vários em um
a vaidade do ego
bate de frente com a saudade
de um eu aí
pé no chão de asfalto
quente quente.

a ilusão (bem isso)
de uma passageira
que fez contato
com o olho de busão
é pura alucinação
de movimento
mas eu acho
que isso acontece
por causa do povo
que me rodeia
(tipo histeria de grupo).

essa movimentação
que tanto me bodeia.

depois que o outro passa
a ilusão passa também
(eu não lhe chamei de histérica
mas isso não quer dizer
que você não seja)
então não se ache
por conta dessa esquizofrenia
de butique.

você mal dá conta
de você mesma
sozinha, sem muitos
inteira, sem repartições.

fazem-nos acreditar
numa multiplicidade
impossível.

apenas o asfalto
quente quente
é possível.

- Vaner Micalopulos


postado em por admin em poesia deixe um comentário

16 preguiças

2

3

1

4

5

leia mais

postado em por admin em poesia, prosa deixe um comentário

poetas e poemas

durrell

foscolo

horacio

hugo

platao

santanna

postado em por admin em poesia, prosa deixe um comentário

palimpsesto


postado em por admin em poesia deixe um comentário
www.scriptsell.netBest Premium Wordpress Theme/Best Premium Wordpress Theme/ Top