LHEVITO

bocejo

LHEVITO

no programa de índio antenado
entro cabisbaixo
esperando pelo tédio desenfreado
e fico perdido na oca
(bem oco, bem óbvio)
espreguiçando repetições

solto indiretas em formatos
de bocejos abissais

e caio nas vertigens
dos meus próprios gritos mudos

pois o que é
um bocejo
além de um grito
com preguiça
de agito?

nos precipícios de hálitos quentes
caio em mim, quebro o hábito
já me vou, sem atrito:
da próxima vez
eu só lhe evito

- Vaner Micalopulos





postado em por admin em poesia deixe um comentário

adicione comentário

www.scriptsell.netBest Premium Wordpress Theme/Best Premium Wordpress Theme/ Top