Mulher: causa de tudo.

mulher

‘ser merecedor do amor de minha mãe.’
WALY SALOMÃO

Merecer o amor de minha mãe,
que poderia ter me afogado
no primeiro banho
ou me perdido (propositalmente)
no turbilhonamento de carne e osso
de uma estação de metrô da vida.

Mas ela me segurou forte
(é uma mulher parruda essa minha mãe)
e hoje eu estou aqui
pois assim ela permitiu.

Todos estamos aqui
porque uma mulher permitiu
que estivéssemos: aqui.

Lados bons,
lados ruins,
eles existem, os lados,
mas se não fossem as mulheres
nada existiria,
nem os lados.

Eu não estaria aqui escrevendo
e você não estaria aí lendo
(e tudo isso por causa de duas mulheres:
a sua e a minha mãe, se não contarmos, claro,
com as infinitas gerações de mães
que as antecederam).

Eu sou o que sou
por causa de uma mulher.

E me desmorono, ocasionalmente,
também por causa de alguma mulher.

Tudo volta ao mesmo lugar. Desmoronando.

Nada mais feminino
do que esta repetição sem fim, eterna;
nada mais feminino do que um homem
que só existe,
que só é efeito,
por causa de uma mulher.

- Michel Consolação





postado em por admin em poesia deixe um comentário

adicione comentário

www.scriptsell.netBest Premium Wordpress Theme/Best Premium Wordpress Theme/ Top