nunca mais

nuncamais

todo rosto novo
que me aparece pela frente
é por alguns instantes
uma fração
de algum outro rosto
que já sumiu da minha mente.

então imaginem só
o que é esta minha existência
de passado misturado
com presente.

nada fácil.

às vezes um rosto
é mais insistente
do que os outros
e acabo por enxergar
todos os rostos
num só.

passado e presente
num só nada fácil
nunca mais.

- Vaner Micalopulos





postado em por admin em poesia deixe um comentário

adicione comentário

www.scriptsell.netBest Premium Wordpress Theme/Best Premium Wordpress Theme/ Top