PEDRA VELHA

atenas

bebagua

bloco colunas

cores

costas

rebelde

traseira

PEDRA VELHA

sibilo entre as pedras velhas
num passeio com brisas jovens
(diminutos estouros
de ventos que mal nasceram)
por entre os mármores
que não devem ser tocados.

“senhor, senhor
sua filha está jogando pedras
e não é permitido
jogar pedras
aqui”

não é permitido
encostar nas pedras
da cidade alta
das pedras velhas?
é isso mesmo?

talvez seja por isso
que ninguém aqui
toque o meu coração.

no lento desintegrar
das tintas existenciais
sinto-me em conexão
com esta humanidade
de pedras e pigmentos
que nunca mais
serão.

eu me identifico
com essas pedras
tão velhas, tadinhas
muito além de uma eufemística
melhor idade.

eu me identifico
com esses mármores intocáveis:
alvos tão proibidos.

eu me identifico
com todas essas relíquias pétreas
essas pedras na melhor idade
pois eu vivo também
neste lento desaparecer.

só não consigo
encaixar a tudo
num eufemismo
que me faça ser mais
do que realmente sou.

sou menos.

e eu acho que uma pessoa
que impeça uma criança de brincar
num lugar como a cidade alta das pedras velhas
terá um lugar reservado no inferno
com toda a certeza do universo.

e o inferno de um estraga-prazer como aquele
só pode ser um lugar que seja só pedra:
as mesmas pedras intocáveis
que ele um dia protegeu
com tanto esmero babaca.

um cuidado que o colocará
num inferno de pedras imexíveis
como ele.

um neologismo
nem tão novo assim
para mexer
com nossas compreensões.

é impressionante
o apego que certas pessoas
têm pelas pedras.

e pelas compreensões também.

mas sei também
que algumas pedras velhas
realmente merecem
o meu apego.

muito mais do que certas pessoas.

sou o exemplo de gente
que olha a tudo
ou pelo ponto de vista da pedra
ou pelo ponto de vista da estrela
pois comigo é assim:
oitotenta.

mas por enquanto
ando mais pedra.

bem mais pedra.

sou todo
pedra velha.

- Vaner Micalopulos
(Atenas, janeiro de 2014)

fotos de Vaner Micalopulos;
modelo: ciganinha doida que não parava de seguir o poeta.





postado em por admin em poesia deixe um comentário

adicione comentário

www.scriptsell.netBest Premium Wordpress Theme/Best Premium Wordpress Theme/ Top