a zona

menos1

fecho-me na zona. nota mental: uma zona de puro desconforto. eu tento a graça. mas, às vezes, só a desgraça faz tudo andar. fecho-me na zona. diminuo os sensores. desligo a visão, mas os olhos permanecem abertos. não é fácil. exige treino. fecho-me num ponto. o ponto é vazio. ele não existe por si. desligo a visão e ligo o vazio. realidade de açúcar. penso nisso. é ridículo. vapores. tudo é feito de vapor. vapor de açúcar. nota mental: tente não espalhar a atenção, olhe o vazio. morena gostosa na área. olhe o vazio. morena. vazio. saco, assim é sacanagem. recomeçar. olhe para um ponto fixo. entre nele. com força. sem viadagens. afunde-se no agora. mergulhe no aqui. dobre o espaço. encoste no tempo. não desvie a atenção. não pense em não desviar a atenção. concentre-se. menos mente. menos mente. vagabundo zen. um segundo, dois segundos. não conte. feche-se. na zona. seja a zona. mas saia dela também, entrando o máximo possível nela. é estranho. mas é assim. eu sou a zona. e eu acho que vocês já sabiam disso.

— J.Castro





postado em por admin em prosa deixe um comentário

adicione comentário

www.scriptsell.netBest Premium Wordpress Theme/Best Premium Wordpress Theme/ Top